NF-e de Exportação

O QUE É?

A nota fiscal eletrônica de exportação é um documento para ser emitido quando é feito venda para fora do país.

A nota de exportação é a responsável por listar para o Governo Federal quais são exatamente os itens que estão deixando o país em direção a um importador estrangeiro. A diferença aqui é que não há incidência de uma série de impostos, como ICMS, IPI, PIS e COFINS

PARA QUE FOI FEITA?

Esse tipo de nota é feita para fiscalizar a circulação de mercadorias com o exterior.

Devido à Lei 12.546/2011, foi criado o Regime Especial de Reintegração de Valores Tributários para as Empresas Exportadoras – REINTEGRA com o objetivo de reintegrar valores referentes a custos tributários residuais existentes nas suas cadeias de produção.

Desta forma, a partir de 01.12.2011, a pessoa jurídica produtora que efetue exportação dos bens manufaturados classificados nos códigos da Tabela de Incidência do Imposto sobre Produtos Industrializados – TIPI constantes do Anexo ao Decreto 7.633/2011 poderá apurar valor para fins de ressarcir parcial ou integralmente o resíduo tributário existente na sua cadeia de produção.

Ou seja, você fica isento de pagar impostos de ICMS, IPI, PIS e COFINS quando está emitindo essa nota, fazendo exportação de produtos.

COMO EMITIR?

Como uma nota de exportação é incentivada pelo governo, é necessário verificar com seu contador quais os códigos de situação tributária (CST) desses impostos serão usados nessa nota, para que possa emiti-la sem a cobrança desses impostos.

Além disso, é necessário ter o certificado digital de sua empresa, e a credenciada para emissão de notas. Após isso, deve buscar um software emissor de NF-e.

Veja abaixo como é simples emitir uma NF-e de Exportação pelo sistema de gestão NFSERVICE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.