Rejeição (488): Vendas do Emitente incompatíveis com o Porte da Empresa

Rejeição (488): Vendas do Emitente incompatíveis com o Porte da Empresa

Embasamento legal:

Rejeição (488): Vendas do Emitente incompatíveis com o Porte da Empresa.

Quando se estiver emitindo uma  NF-e  e o valor total das notas emitidas no período de uma ano somado a ultima nota, estiver ultrapassando o valor máximo de R$ 3.600.000,00 (Três milhões e Seissentos Mil)  a SEFAZ irá rejeitar sua nota pois sua empresa está com um faturamento não compatível com o modo Simples Nacional, passando agora para um faturamento de Regime Normal.

Para encontrar essa rejeição faça o download  da  NT 2015.002 v.1.30  e vá até a pagina 25.

Na prática, o que isso significa?

O Regime de Simples Nacional permite emissão de  R$ 3.600.000,00 (Três milhões e Seissentos Mil)  durante o período de um ano, se todas as notas somadas forem acima desse valor, sua empresa estará enquadrada no Regime Normal, sendo assim sua próxima NF-e irá rejeitar.

O que devo fazer?

Como não há como corrigir este problema alterando o XML, o correto é a empresa/contador verificar junto a SEFAZ de origem qual o procedimento correto neste caso em específico. Podemos considerar alterar o Regime de Tributação para Normal, mas não antes de verificar o procedimento anterior.

 

  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *